Cultour

Visitas acompanhadas por arquitectos a obras de arquitectura

DESPERTAR EM SANTO TIRSO: REINVENÇÕES SOBRE A HISTÓRIA E O LUGAR

Percursos pela Arquitetura Contemporanea
14-Maio-2016

PERCURSOS PELA ARQUITECTURA CONTEMPORÂNEA


Despertar em Santo Tirso
Reinvenções sobre a história e o lugar

 

14 maio, 10h00 às 13h30

 

No primeiro Percurso pela Arquitetura Contemporânea de 2016 vamos espreitar o Museu de Santo Tirso quase pronto para abrir. Será inaugurado na semana seguinte a 21 de maio.

 

Esta obra arquitetónica, que reúne os dois Pritzkers portugueses, Eduardo Souto de Moura e Álvaro Siza, é uma lição sobre como intervir no património e como respeitar o lugar. Localizado no Mosteiro de Santo Tirso, monumento nacional, o Museu acolhe no seu interior dois museus: o Museu Municipal Abade Pedrosa, centrado na arqueologia e a sede do Museu Internacional de Escultura Contemporânea, cujo espólio se espalha pelo espaço urbano da cidade. A intervenção contempla a remodelação integral de uma ala do mosteiro e  a sua ampliação com um corpo novo que se aninha e mergulha no solo para recriar e enfatizar as características do lugar. No Museu estão em exposição esculturas de Carlos Nogueira que se constroem numa forte interação com o edifício. Será muito interessante perceber o diálogo entre o novo e o antigo, traduzido não só na obra arquitetónica, mas também no conteúdo dos museus que combinam a pré-história com a contemporaneidade.

 

Antes, porém, desta visita reveladora, acordámos os bombeiros para ver a primeira incursão de Siza neste programa e perceber como é possível com um orçamento muito condicionado construir um Quartel acolhedor e digno, adoptado pelos bombeiros como a sua própria casa.

 

A acompanhar-nos estiveram arquitetos, arqueólogos, historiadores, que do lado de quem projeta ou do de quem encomenda, tratam este património com todo o carinho e dedicação.

 

PROGRAMA:

 

10h00 | Bombeiros Voluntários de Santo Tirso (Álvaro Siza)
11h30 | Museu Municipal de Santo Tirso (Álvaro Siza e Eduardo Souto Moura)
13h00 | Final da Visita com licor e bolachas

 

Quem quiser e em regime livre conseguiu aproveitar as recentemente reabilitadas margens do Rio Ave percorrendo o Passeio das Margens do Ave (obra da autoria do arquiteto Paulo Santo Pereira) até ao Parque Urbano de Rabada: um magnifico passeio no decorrer do qual se podem apreciar grande parte das esculturas ao ar livre que integram o Museu Internacional de Escultura Contemporânea.

 

Organização: CASA DA ARQUITECTURA e CULTOUR

 

Álbum da visita: http://bit.ly/29ecMXu